facebook 
Home Futebol Colunistas Planeta música Vagas de Empregos Documentos perdidos Fotos Promoções Contato
            Pontal Abrangência Programas
Boa tarde - Itabira, sexta, 27 de novembro de 2020 Hora: 14:11
Notícias
‘Vestibular’ acirrado no Legislativo: BH tem a terceira maior relação candidato/vaga em Câmara

 

Não é vestibular, mas parece. E daqueles disputados. Para ser eleito para a Câmara Municipal de Belo Horizonte, cada vereador terá que derrotar 37 rivais que estavam de olho na mesmíssima cadeira que ele. Levantamento feito pelo Hoje em Dia, com dados fornecidos pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE), mostra que a capital mineira tem a maior relação candidato/ vaga no Legislativo em todo o Estado: 38,02. São 1.559 nomes brigando por 41 gabinetes, a terceira maior proporção do país. 

A segunda cidade no ranking mineiro é Ribeirão das Neves, na Grande BH. Por lá, 494 candidatos concorrem às 14 vagas, fazendo com que a relação chegue a 35,28. Na sequência vem Contagem, também da RMBH. Na cidade, 724 candidatos disputam 21 cadeiras na Câmara e deixam o índice de disputa em 34,47 candidatos por vaga. 

Em Minas, a quarta cidade onde a disputa será mais acirrada é Uberlândia, no Triângulo, onde 32,37 candidatos vão lutar por uma vaga no parlamento – 874 candidatos disputam 27 vagas. Fechando a lista está Juiz de Fora, na Zona da Mata. De acordo com o TSE, 584 colocaram seus nomes para a disputa a uma das 19 vagas da Câmara Municipal – a proporção é 30,74 postulantes a vereador por vaga.

No Brasil, segundo TSE, 501.799 candidatos a vereador disputam um total de 58.208 vagas – uma relação de 8,6 por gabinete. 

Das cinco cidades com maior proporção de candidatos por vaga nas Câmaras, as duas primeiras estão no Rio de Janeiro: Nova Iguaçu lidera o ranking com 448 candidatos disputando 11 vagas, com uma proporção de 40,7. São Gonçalo vem em seguida, com 39,4 – são 1.065 postulantes para 27 vagas.

Depois de BH, aparecem São Paulo – com 35,7 concorrentes a vereador para cada cadeira – e Salvador (BA), com 35,4. 

Atualmente, cada vereador de BH recebe o salário bruto de R$ 18.402,02 por mês. Com os descontos de INSS e Imposto de Renda, o valor líquido vai para R$ 13.693,83.

Reta final

Nos dois dias que restam de campanha, os candidatos a vereador vão diversificar as formas de levar as propostas e tentar ganhar os votos dos indecisos. 
De acordo com representantes dos partidos políticos e candidatos a vereador ouvidos pela reportagem do Hoje em Dia, os últimos esforços na reta final das eleições serão de caminhadas, bandeiraços e atuação maciça nas redes sociais para conseguir cada voto. 

“Agora é a hora em que cada esforço, cada contato por fazer a diferença. Tem que estar com o bloco na rua”, enfatiza Bruno Farias, membro do diretório estadual do Avante.

“Cada mensagem que chegar ao eleitor pelas redes sociais até a hora da votação pode ser decisiva para chegar ou não à Câmara”, garante Bernardo Santos, presidente do Novo em BH.

Fim das coligações 

E em um panorama tão disputado, o fim das coligações deixa a corrida por uma vaga na Câmara ainda mais apertada. O resultado deve ser uma pulverização de representantes na próxima legislatura. Esta é a opinião do cientista político Felipe Nunes, da UFMG.

“Estas eleições vão fazer com que a representação dos partidos fique ainda maior, em contrapartida do peso e da importância deles. Será uma disputa mais difícil, com certeza porque as opções muito maiores”, destaca o cientista político.

 


teste



TOP MAIS
1 - LUAN SANTANA ÁGUA COM AÇUCAR
2 - TONES AND I DANCEY MONKEY
3 - JOAO NETO E FREDERICO SÓ ESQUECE QUEM TENTA
4 - HENRIQUE E JULIANO LIBERDADE PROVISÓRIA
5 - DILSINHO FEAT THIAGUINHO APAIXONADIN

 

Telefone de contato: (31) 3831-3522 / 3831-2878 / E-mail: pontal@radiopontal.com.br
Estamos localizado na Rua Francisco Osório de Menezes, 900 - Campestre - Itabira/MG
Rádio Pontal FM 104,3 - 2020. Todos os direitos reservados. - Site Ouro